terça-feira, 19 de março de 2013

Vamos preservar a Praça São Salvador!!!

Nós os "Artistas de Rua"  do BATUQUE NO CORETO durante as nossas rodas de samba repetidamente tentamos conscientizar a todos os frequentadores sobre a necessidade de mantermos limpo este maravilhoso ponto de encontro e lazer.
Frequentemente tomamos a iniciativa de colocarmos sacos plásticos (grandes) para que sejam depositados...latas, garrafas, copos , etc...
Vale dizer que é também de conhecimento das autoridades a grande frequência de público e  portanto deveriam ser colocadas na Praça várias daquelas lixeiras grandes.

A tarefa de preservação é de todos os frequentadores da Praça!


Vamos manter nossa Praça São Salvador limpa!!
  

Um comentário:

  1. Realmente e um absurdo e triste ver o estado da praça São Salvador, porem esta situação se deve grandemente ao descaso da prefeitura com a manutenção desta, pois a prefeitura sabe perfeitamente que as lixeiras disponíveis na praça são insuficientes para o grande volume de lixo gerado nos fins de semana.
    Estas lixeiras grades tipo contêiner visto no vídeo não ficam disponíveis a noite para o público, elas são usadas somente pela própia Columb pela manha para recolher o lixo. As lixeiras que tem na praça são apenas umas poucas, destas pequenas presas aos postes que não dão nem para a saída, e assim as pessoas tentam jogar seu lixo fora e acabam o descartando geralmente no chão abaixo destas lixeiras. Quanto as garrafas de vidro apesar de serem sim recicláveis, ao contrario do dito no vídeo, estas não deveriam estar neste local, porque realmente e um perigo. Mas esta situação se intensificou quando a ordem de choque proibiu os ambulantes de venderem produtos na praça e assim os bares passaram a concentrar as vendas. Como nos bares e permitida a venda de garrafas de vidro, acaba que estes mesmos bares não conseguem acomodar o volume de público dos fins de semana, e assim as pessoas acabam comprando a cerveja no balcão e a levando para a praça, a solução seria obrigar os bares a não vender garrafas no balcão, somente para os clientes das mesas. O fato e que o cidadão tem sim parte de culpa pois existe uma minoria que não tem consciência pública de cidadania, porem a maioria destes problemas poderiam ser bastaste amenizados se a prefeitura cuidasse da praça oferecendo mais lixeiras, e organizasse e legaliza-se os vendedores ambulantes e talvez até mesmo criando quiosques como fez na orla. Também poderia criar nos extremos da praça banheiros dentro do mesmo projeto arquitetônico já existente na praça, e por ultimo assim como ocorre apos as feiras públicas poderiam higienizar a praça com uma lavagem com detergente ao término dos fins de semana e feriados. Porem todas estas sugestões que eu dei são meio utópicas, pois me parece que o real problema da praça e a politicagem, pois a logística para cuidar da praça e relativamente simples e me parece que também a verba para esta manutenção, mas esta guerra de interesses e quem esta realmente prejudicando a praça.

    Quanto ao criador deste vídeo poderia dosar melhor suas palavras e ser mais educado e também se imbuir melhor dos fatos apresentados no vídeo.

    ResponderExcluir